“É chegada a hora de inverter o paradigma: mentes que amam e corações que pensam.” Barbara Meyer.

“Se você é neutro em situações de injustiça, você escolhe o lado opressor.” Desmond Tutu.

“Perdoar não é esquecer, isso é Amnésia. Perdoar é se lembrar sem se ferir e sem sofrer. Isso é cura. Por isso é uma decisão, não um sentimento.” Desconhecido.

“Chorar não significa se arrepender, se arrepender é mudar de Atitude.” Desconhecido.

"A educação e o ensino são as mais poderosas armas que podes usar para mudar o mundo ... se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar." (N. Mandela).

"As utopias se tornam realidades a partir do momento em que começam a luta por elas." (Maria Lúcia Karam).


“A verdadeira viagem de descobrimento consiste não em procurar novas terras, mas ver com novos olhos”
Marcel Proust


Pesquisar este blog

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

I Encontro Paranaense de Práticas Restaurativas - Ponta Grossa/PR



 

I ENCONTRO PARANAENSE DE PRÁTICAS

RESTAURATIVAS

Dias 27 e 28 de novembro de 2014  - Ponta Grossa, Paraná.

 


Dia 27 de Novembro de 2014 – quinta-feira

 

09h - Credenciamento
09h30 - Mesa de Abertura
10h00 - Palestra de Abertura - "Justiça Restaurativa: Possibilidades e Desafios"
Dr. André Giamberardino - Defensor Público do Estado do Paraná
12h00 - ALMOÇO
14h00 - Mesa Redonda (20 minutos para cada explanação) 
"A experiência restaurativa no Estado de São Paulo" 
Dr. Egberto Penido - Juiz de Direito do Estado de São Paulo
Mônica Mumme - Servidora do tribunal de Justiça de São Paulo, psicóloga e coordenadora de projetos do Centro de Criação de Imagem Popular de São Paulo.
"A cultura de Paz em Londrina"
Luis Cláudio Galhardi - Presidente do Conselho Municipal de Cultura de Paz de Londrina e fundador da ONG Londrina Pazeando
15h00 - Debates
15h30 – Coffee-Break
16h00 – Círculos de Construção de Paz – vivência
19h00 – Jantar de Confraternização - Restaurante La Gôndola Santa Felicidade

 

Dia 28 de novembro de 2014 – sexta-feira

 

09h00 - Mesa Redonda (20 minutos para cada explanação)
"A experiência restaurativa no Estado do Rio Grande do Sul"
Dr. Afonso Armando Kozen - Procurador de Justiça aposentado do Rio Grande do Sul
Paulo Morateli - Psicólogo e Coordenador do Núcleo de Justiça restaurativa de Caxias do Sul/RS
9h40 - Debates
10h - Coffee Break
10h30 - Painel Paranaense (20 minutos para cada explanação)
"A implementação da Justiça Restaurativa no Estado do Paraná"
Dr.ª Laryssa Angélica Copack Muniz - Juíza de Direito Substituta da Comarca de Ponta Grossa, Coordenadora Adjunta do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania de Ponta Grossa e membro da Comissão Estadual de Práticas Restaurativas do Tribunal de Justiça do Paraná
"O Funcionamento da Justiça Restaurativa e o CEJUSC"
Dr. Rodrigo Rodrigues Dias - Juiz de Direito da Comarca de Toledo, Coordenador do Centro Judiciário de Solução de Conflitos de Toledo e membro da Comissão Estadual de Práticas Restaurativas do Tribunal de Justiça do Paraná
"A formação da rede restaurativa"
Dra. Cláudia Catafesta - Juíza de Direito da Comarca de Londrina e membro da Comissão Estadual de Práticas Restaurativas do Tribunal de Justiça do Paraná
11h30 - Debates
12h00 – ALMOÇO
14h00 – Mesa Redonda
"A interdisciplinaridade nas práticas restaurativas" (30 minutos para cada explanação)
Dr.ª Paula Inez Cunha Gomide - Doutora em Psicologia pela Universidade de São Paulo, coordenadora do Mestrado em Psicologia Forense da Universidade Tuiuti do Paraná e autora do livro "Justiça Restaurativa na Escola: Aplicação e Avaliação do Programa"
Mayta Lobo dos Santos- Mestre em Psicologia Forense pela Universidade Tuiuti do Paraná, assessora do Tribunal de Justiça do Paraná e autora do livro "Justiça Restaurativa na Escola: Aplicação e Avaliação do Programa"
15h00 - Debates
15h30 - Coffee Break
16h00 –  Palestra de Encerramento
"Justiça para uma nova Justiça"
Dr. Leoberto Brancher, Juiz de Direito de Caxias do Sul/RS e Coordenador do Projeto Justiça para o Século 21
20h00 - Festa de Encerramento - Associação dos Magistrados do Paraná - Sede Ponta Grossa

Fonte: Portal TJPR.

Nenhum comentário:

Justiça Restaurativa: Marco Teórico, Experiências Brasileiras, Propostas e Direitos Humanos

...

...