“É chegada a hora de inverter o paradigma: mentes que amam e corações que pensam.” Barbara Meyer.

“Se você é neutro em situações de injustiça, você escolhe o lado opressor.” Desmond Tutu.

“Perdoar não é esquecer, isso é Amnésia. Perdoar é se lembrar sem se ferir e sem sofrer. Isso é cura. Por isso é uma decisão, não um sentimento.” Desconhecido.

“Chorar não significa se arrepender, se arrepender é mudar de Atitude.” Desconhecido.

"A educação e o ensino são as mais poderosas armas que podes usar para mudar o mundo ... se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar." (N. Mandela).

"As utopias se tornam realidades a partir do momento em que começam a luta por elas." (Maria Lúcia Karam).


“A verdadeira viagem de descobrimento consiste não em procurar novas terras, mas ver com novos olhos”
Marcel Proust


Pesquisar este blog

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

UNICEF e parceiros promovem simpósio na Amazônia sobre Justiça Restaurativa


UNICEF promove simpósio em Belém sobre Justiça RestaurativaO Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e parceiros promovem nos dias 12 e 13 de novembro o III Simpósio Internacional de Justiça Restaurativa Norte e Nordeste do Brasil, que será realizado em Belém (PA).
encontro tem por objetivo disseminar as práticas da Justiça Restaurativa, modelo recomendado pela ONU no qual todas as partes envolvidas em um ato que causou ofensa reúnem-se para decidir coletivamente como lidar com as circunstâncias decorrentes desse ato e suas implicações para o futuro. O simpósio também debaterá questões sobre o acesso à Justiça e sinergias entre os membros do Judiciário e da sociedade para a promoção dos direitos humanos.
O evento irá apresentar as práticas da Justiça Restaurativa no Canadá, realizadas há 30 anos no país, além do seu panorama de implementação na América Latina. Além do Canadá, Estados Unidos e Nova Zelândia também são países onde foi efetuado esse novo modelo.
No Brasil, a Lei Federal nº 12.594 de 18 de janeiro de 2012, incorporou a proposta no ordenamento jurídico brasileiro, prevendo prioridade a práticas ou medidas que sejam restaurativas e, sempre que possível, atendam às necessidades das vítimas no atendimento socioeducativo.
O III Simpósio é mais um encontro de uma série que pretende debater a Justiça Restaurativa nacionalmente e internacionalmente. Antes, foram realizados outros eventos como o 1º Simpósio Brasileiro de Justiça Restaurativa, em Araçatuba (SP), em 2005 e o 2º Simpósio Brasileiro de Justiça Restaurativa, em Recife (PE), em 2006.
Também são realizadores do Simpósio o Tribunal de Justiça; a Coordenadoria Estadual da Infância e Juventude (PA) e Escola Superior da Magistratura; o Ministério Público do Pará; a Defensoria Pública; o Governo do Estado do Pará com o envolvimento direto da Escola de Governo e o do Programa Propaz e a organização Terre des Hommes.
ONUBR. 7 de novembro de 2012

Nenhum comentário:

Justiça Restaurativa: Marco Teórico, Experiências Brasileiras, Propostas e Direitos Humanos

...

...