“É chegada a hora de inverter o paradigma: mentes que amam e corações que pensam.” Barbara Meyer.

“Se você é neutro em situações de injustiça, você escolhe o lado opressor.” Desmond Tutu.

“Perdoar não é esquecer, isso é Amnésia. Perdoar é se lembrar sem se ferir e sem sofrer. Isso é cura. Por isso é uma decisão, não um sentimento.” Desconhecido.

“Chorar não significa se arrepender, se arrepender é mudar de Atitude.” Desconhecido.

"A educação e o ensino são as mais poderosas armas que podes usar para mudar o mundo ... se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar." (N. Mandela).

"As utopias se tornam realidades a partir do momento em que começam a luta por elas." (Maria Lúcia Karam).


“A verdadeira viagem de descobrimento consiste não em procurar novas terras, mas ver com novos olhos”
Marcel Proust


Pesquisar este blog

terça-feira, 26 de junho de 2012

Instituto Noos promove seminário sobre Justiça Restaurativa para abuso sexual



Debater os benefícios de um processo em que as partes afetadas por um crime determinam a melhor forma de reparar o dano causado em casos de violência sexual de crianças e adolescentes. Esta é a proposta do Seminário Justiça Restaurativa em casos de abuso sexual intrafamiliar de crianças e adolescentes. Durante o evento, que será realizado no Sedes Sapientiae, dia 29 de junho, será apresentado o resultado de um Projeto de Pesquisa sobre o tema no Brasil.
O ponto central do Seminário parte da ideia de que não basta o mero aprimoramento dos métodos de inquirição de crianças e adolescentes, a despeito de relevantes iniciativas nesse sentido. Os profissionais envolvidos no Projeto de Pesquisa suscitam também o diálogo sobre o próprio reordenamento do Sistema de Justiça, buscando sua adequação às crianças e aos adolescentes.
O responsável pelo evento é o psicólogo Carlos Zuma, secretário executivo do Instituto Noos. Entre os palestrantes estão: a psicóloga Dalka Chaves de Almeida Ferrari, coordenadora do Centro Nacional de Referência às Vítimas de Violência (CNRVV) em São Paulo; o presidente da Associação Brasileira de Magistrados, Promotores de Justiça e Defensores Públicos da Infância e da Juventude (ABMP), Eduardo Rezende Melo; a assistente social Ana Cristina Amaral, diretora técnica do Núcleo de Apoio Profissional de Serviço Social e Psicologia da Coordenadoria da Infância e Juventude do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e o psicólogo clínico Maher Hassan.
Saiba mais e se inscreva aqui.
Mais informações:
Seminário Justiça Restaurativa em casos de abuso sexual intrafamiliar
Quando? 29 de junho – das 9h às 17h30
Onde? Sedes Sapientiae (Rua Ministro de Godoi, 1484 – Perdizes – São Paulo)

Nenhum comentário:

Justiça Restaurativa: Marco Teórico, Experiências Brasileiras, Propostas e Direitos Humanos

...

...