“É chegada a hora de inverter o paradigma: mentes que amam e corações que pensam.” Barbara Meyer.

“Se você é neutro em situações de injustiça, você escolhe o lado opressor.” Desmond Tutu.

“Perdoar não é esquecer, isso é Amnésia. Perdoar é se lembrar sem se ferir e sem sofrer. Isso é cura. Por isso é uma decisão, não um sentimento.” Desconhecido.

“Chorar não significa se arrepender, se arrepender é mudar de Atitude.” Desconhecido.

"A educação e o ensino são as mais poderosas armas que podes usar para mudar o mundo ... se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar." (N. Mandela).

"As utopias se tornam realidades a partir do momento em que começam a luta por elas." (Maria Lúcia Karam).


“A verdadeira viagem de descobrimento consiste não em procurar novas terras, mas ver com novos olhos”
Marcel Proust


Pesquisar este blog

sexta-feira, 15 de julho de 2011

“Terre des Hommes” e Defensoria articulam implantação da Justiça Juvenil Restaurativa

Defesa de crianças e de adolescentes em situação de risco, este é o foco do projeto que visa a implantação da Justiça Juvenil Restaurativa em Belém. Uma das reuniões que estabelecem os detalhes para a implantação do projeto aconteceu nesta segunda-feira, 11, na sala de reuniões do gabinete no prédio-sede da Defensoria Pública do Pará. As articulações para a implantação do projeto são fruto da parceria entre a Defensoria e a Fundação “Terre des Hommes”, que possui uma ampla trajetória no âmbito da proteção e execução de projetos de educação e formação profissional, iniciativas para menores de rua, trabalhadores infantis, prostitutas menores e crianças refugiadas, além de programas de segurança alimentar e promoção de saúde.
A Defensora Pública Paula Denadai, que articula a implantação da Justiça Juvenil Restaurativa em Belém, lembrou que essa parceria entre a Defensoria e a Fundação “Terre des Hommes” visa a implantação no Estado, mais especificamente na capital, da Justiça Juvenil Restaurativa. “O seminário, que objetiva a capacitação e sensibilização da justiça em relação à importância do projeto e que irá oficializá-lo, será realizado em novembro de 2011, com data ainda a ser definida”, explicou ela.
Denadai destacou ainda que, para a definição da programação e das datas referentes ao seminário, são necessários alguns detalhes. “Estamos buscando pessoas que viabilizem a facilitação das palestras a serem realizadas no seminário”, frisou.
Segundo Anselmo Lima, que é representante da Fundação “Terre des Hommes” no Brasil, a ideia inicial é intensificar essa atuação da Defensoria, pois é de conhecimento de toda a sociedade que a instituição já possui uma ampla história em prol da defesa de crianças e adolescentes em situação de risco. O objetivo dessa parceria é a consolidação desse projeto que irá auxiliar na prevenção e diminuição dos índices de violência, que é um problema presente em todas as regiões brasileiras. “Essa manifestação positiva da Defensoria de elaborar um projeto em parceria com outros atores sociais e a “Terre des Hommes” se propõe a catalisar essas ações consociadas e se empenhará ao máximo para o sucesso do projeto e que possamos avançar em prol do bem estar da nossa juventude”, aspirou Anselmo Lima.
Estiveram presentes na reunião o Defensor Público Geral, Antônio Roberto Cardoso; a Defensora Pública Paula Denadai; o Técnico de Gestão da Defensoria, Samir Mufarrej e o representante da Fundação “Terre des Hommes”, Anselmo Lima; além de Renato Pedrosa  e David Naville, também membros da Fundação.

Edilena Lobo - Ascom Defensoria Pública do Pará

Nenhum comentário:

Justiça Restaurativa: Marco Teórico, Experiências Brasileiras, Propostas e Direitos Humanos

...

...